Trocando o notebook – A saga – Parte II

Ok, ontem fui à FNAC da Paulista decidido a voltar com o Eee PC 1005HA debaixo do braço. Depois da canseira que passei por causa da RBS Shop, compras de quatro dígitos, só pessoalmente. O 1005HA tem três versões disponiveis à venda no Brasil. O 1005 HA-A possui uma bateria de três células e 2,5 horas de autonomia aproximada. O 1005 HA-H possui uma bateria de 6 células, um processador Atom 280, com 1.7MHz de clock, um pouco mais rápido que os Atom 270, que possuem 1,6 MHz de clock e um HD de 120 Gb. O 1005 HA-M possui bateria de 6 células, processador Atom 270 e HD de 250 Gb. Todos vêm com 1 Gb de RAM, expansível para 2Gb. As baterias de 6 células prometem incríveis 8,5 horas de autonomia. Com 5 horas eu já ficava contente. O mais caro dos três é o M, possivelmente pela maior capacidade do HD. 

E na FNAC só havia o M e o 1105 HA, meio grande pra proposta, e ainda assim, só os de mostruário. Resolvi arriscar: levei o 1005 HA -M de mostruário após chorar um desconto. Não dava pra perder mais tempo procurando em outros lugares. O preço final ficou em R$ 1.199.00.
Chegando em casa, ligo o pequenino e entrei no Windows 7. A primeira impressão sobre o novo Windows foi… mediana. De fato, o Win7 roda levinho com 1 Gb, mas logo começaram a pipocar as mensagens de registro e cadastro no antivirus, Office… e logo me veio a sensação algo persecutória de que existe uma conspiração empresarial para nos forçar a comprar determinados softwares a partir da aquisição de outros. E pensei: "Ok, Billy, você teve sua chance." E parti pra instalação do novo Ubuntu 9.10, Karmic Koala, versão UNR, otimizada para netbooks. Mas isso é papo pro próximo post.
Sobre o hardware: A tela é de LED 10,1" com excelente contraste e nivel de preto. O teclado ABNT possui teclas largas e uma digitação confortável, mas cede um pouco nas teclas centrais, o que dá uma sensação de fragilidade. Algumas teclas estão em posições meio exóticas. O ponto de interrogação, por exemplo, é AltGr+W. E os caracteres" /", "+" e o acento agudo possuem duas teclas à disposição para cada um. As portas/conexões são 3 USB, uma Ethernet Gigabit, um leitor de cartões SD (não tentei cartões MS), wi-fi 802.11n, uma saída de video RGB e os jacks p10 para entrada e saída de audio. O 1005 HA ainda possui uma webcam de resolução VGA (640×480) e microfone embutido. O peso total com a bateria de 6 células é de aproximadamente 1,1 Kg. O touchpad é uma área rugosa sem o rebaixamento habitual e os botões estão agrupados em uma unica barra. O design em concha é bem bonito e funcional para colocar em estojos, bolsas e mochilas. Esse modelo não possui bluetooth nem conexão 3G embutidos.
No próximo post, vou falar um pouco sobre o processo de "linuxização" do 1005-HA.

Read and post comments | Send to a friend

Advertisements

About aurokam

Técnica a serviço da arte. Um trabalho em andamento sem previsão de término.
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s